[ editar artigo]

Centro de Pesquisa do Hospital IPO recebe certificação internacional

Centro de Pesquisa do Hospital IPO recebe certificação internacional

É a primeira entidade brasileira a ser certificada pela IQVIA na área de pesquisas clínicas de vias aéreas; NEP representa um investimento de R$ 6 milhões

O Núcleo de Ensino e Pesquisa (NEP) do Hospital IPO é o primeiro do país a receber certificação para pesquisas clínicas de vias aéreas da IQVIA – líder mundial no uso de dados, tecnologia e análise avançada em prol de práticas de assistência médica e promoção da saúde humana.

“Esse reconhecimento é parte do resultado de nossa busca incessante por qualificação do corpo clínico”, explica o diretor clínico do IPO, Dr. João Luiz Garcia de Faria. Segundo ele, o investimento contínuo no NEP ultrapassa a casa de R$ 6 milhões. O anúncio foi feito oficialmente aos médicos nesta semana, durante a apresentação dos trabalhos finais de 10 médicos que participaram do programa de Fellowship da instituição.

De acordo com Faria, a IQVIA é reconhecido por certificar sistemas de saúde modernos, eficazes e eficientes que buscam constantemente a criação de soluções inovadoras, que transformem a realidade hospitalar e, sobretudo, tragam resultados concretos para os pacientes.

A preocupação no desenvolvimento de um corpo clínico especializado acompanha o Hospital IPO desde sua fundação (há 25 anos) e ampara esse reconhecimento internacional.

“Nossos médicos só vão para o mercado após quatro anos de residência e outros dois anos de participação do programa de Fellowship, ou seja, isso só acontece no sétimo ano após saírem da faculdade”, explica João Faria. “Levamos 10 anos para formar esse corpo clínico, que hoje possibilita que tenhamos 40 unidades com a garantia de atendimento de excelência em todas elas”, pondera. 

Investimento em Qualidade

O NEP conta com curso de pós-graduação, além do programa Fellowship e a organização de dezenas de cursos, seminários e palestras internacionais. “Trata-se de um braço acadêmico, extremamente forte, de uma instituição privada que tem por objetivo auxiliar em novas descobertas e avanços na otorrinolaringologia”, destaca o médico Evaldo Macedo, coordenador e diretor geral do NEP.

O médico ainda ressalta que o corpo clínico também é submetido a um programa de metas de capacitação, algo que hoje se traduz em um corpo clínico formado por mais de 200 otorrinos, dos quais 30 são doutores e pouco mais de 40 mestres.

Como registro histórico e científico dos 10 anos de formalização do NEP, o Hospital lançou o livro “Construindo um Centro de Excelência em Otorrinolaringologia”, que contém 150 trabalhos acadêmicos divididos por titulação do corpo clínico, trabalhos científicos publicados em journals nacionais e internacionais, trabalhos apresentados em congressos médicos, livros e trabalhos realizados pelo Comitê de Ética em pesquisa do Hospital.

Ler conteúdo completo
Indicados para você