[ editar artigo]

Adolescentes debatem o papel da educação na transformação social

Adolescentes debatem o papel da educação na transformação social

Evento reúne jovens de três Estados brasileiros em oficinas e debates sobre o tema em Curitiba

Nos próximos dias 29 e 30 de outubro, adolescentes de três Estados brasileiros vão se reunir em Curitiba (PR) para debater sobre o papel transformador da educação. Eles são estudantes do Marista Escolas Sociais e da Rede Marista de Colégios, que atende gratuitamente mais de 7,7 mil crianças, adolescentes e jovens por meio da educação básica em Escolas localizadas em áreas de vulnerabilidade social.  

O objetivo principal do evento é a formação em temas ligados à educação, além da elaboração de propostas que os jovens poderão apresentar em suas escolas, nos bairros em que vivem e utilizar em seus projetos de vida. Os jovens que participarão vêm de cidades do Paraná, Santa Catarina e São Paulo. Eles já se reúnem uma vez por mês virtualmente para debater temas relacionados à juventude, cidadania e defesa dos direitos. Agora eles vão mediar os debates do encontro presencialmente.

A ideia é proporcionar o conhecimento e troca de experiências, e, para a coordenadora de Relações institucionais do Marista Escolas Sociais, Ana Paula Baena, o fórum promove muito mais. “Os debates permitem que os participantes enxerguem as várias realidades das adolescências no Brasil, para então fazer uma análise do mundo, a partir do seu contexto e o do outro. Assim, eles conseguem compreender, questionar e buscar alternativas para contribuir com a sua escola e com a sociedade”, explica.

Conhecer e multiplicar

O evento contribui para a multiplicação dos aprendizados nas Escolas e Unidades Sociais, pois os adolescentes ficam responsáveis por levar as propostas aos outros estudantes. “O fórum mudou a forma como eu pensava sobre diversos temas, e mostrou que os jovens têm espaço para expor sua opinião, pude promover ações que contribuíram na minha escola e na comunidade”, explica Guilherme Rodrigues, de 15 anos, de São Paulo.

O  encontro também é oportunidade para os integrantes se conhecerem pessoalmente. “Encontrar os amigos e ver eles assumindo responsabilidades nas oficinas e palestras é ótimo, podemos ver a mudança e a evolução de todos eles”, comenta Emelyn Leticia dos Santos, de 13 anos, de Almirante Tamandaré. . Para ela, os assuntos incentivam a pensar no cotidiano. “Depois do fórum me tornei defensora dos direitos e multiplicadora desses conhecimentos na minha escola”, reforça.


Serviço:

Fórum Marista de Adolescentes

29 de outubro

Local: CMC - Av. Sen. Salgado Filho, 1651 - Guabirotuba, Curitiba (PR).

Horário: 8h30 às 17h

30 de outubro

Local: CMC - Av. Sen. Salgado Filho, 1651 - Guabirotuba, Curitiba (PR).

Horário: 8h30 às 17h

 

Amo Curitiba
Ler conteúdo completo
Indicados para você